“Uma redenção multiplicada por milhares de corações de torcedores à espera do inédito título do Super Bowl. Desde a ressurreição do quarterback Nick Foles, passando pela implacável lei do ex-jogador até o maior dos adversários a se enfrentar. Foi assim que o Philadelphia Eagles comemorou sua primeira conquista na 52ª edição do Super Bowl, neste domingo, 04 de fevereiro, em Mineápolis. Com máscaras de cachorro espalhadas pela arquibancada, representando o “underdog” (que significa azarão), ao vencer por 41 a 33 o New England Patriots e tirar a coroa de Tom Brady. Fundado em 1933, o time já havia sido campeão da NFL em três oportunidades, mas antes da criação do evento, em 1967″, foi assim, conforme publicado pelo jornal O Globo nesta segunda-feira, 05 de fevereiro, que terminou um dos maiores eventos esportivos do mundo. Porém, o que pouca gente percebeu foi que na ocasião o Bitcoin também estava presente.

anúncio de televisão da corretora norte-americana TD Ameritrade, que anunciava contratos futuros de Bitcoin e trazia como estrela do comercial o cantor Lionel Richie, foi veiculado após o término da transmissão da partida, descrevendo a capacidade da empresa em realizar negócios 24 horas por dia (mas em 5 dias da semana). O anúncio, que foi veiculado imediatamente após o hino nacional, terminou com o logotipo da empresa e a frase “Futuros de Bitcoin disponíveis. Festa para sempre”.Ameritrade

Os anúncios do Super Bowl tornaram-se uma tradição e seus telespectadores esperam que as empresas criem propagandas mais divertidas e provocadoras, e de preferência com celebridades. A Time Magazine, revista norte-americana, informa que um anúncio de 30 segundos durante a transmissão do Super Bowl custa cerca de US$5 milhões.

O mercado de futuros de Bitcoin foi iniciado em 2017, com a CBOE e o Grupo CME realizando as primeiras grandes negociações institucionais. Outras corretoras e iniciativas pelo mundo também estão planejando ou estudando este novo mercado.

loading…

Fonte: Criptomoedas Fácil

Comentários